Primeira entrevista do Disney College Program

Primeira Entrevista do Disney College program

Fazer o Disney College program é um sonho para muitos brasileiros. Para quem ainda não conhece o programa é um intercâmbio de trabalho na Disney durante as férias de verão. Neste post eu vou começar contar como foi o processo seletivo e a minha primeira entrevista do Disney College Program dando algumas dicas para os newcomers.

As inscrições para o programa acabam muito rápido. Ano passado, no dia que as inscrições abriram as 8 da manhã, da faculdade, eu estava logada no meu computador e no computador do professor atualizando a página para garantir que não ia perder o tão esperado momento. Mesmo assim, quando a página abriu para mim não tinha mais horário para a minha primeira opção de cidade e horário mas, eu consegui me inscrever para a palestra em São Paulo as 6 da tarde de um domingo. Como eu sou de Curitiba no mesmo dia já comprei minha passagem para São Paulo e combinei de ficar na casa de uma amiga.

A Palestra da STB

No processo seletivo de 2017, em São Paulo teve três palestras:  uma as 10 da manhã, uma as 3 da tarde e uma as 6. Como meu voo chegava às 7:30 da manhã eu resolvi tentar entrar na lista de espera para ver a palestra as 10 e tentar fazer a entrevista mais cedo. Minha ideia era já ir para a casa da minha amiga mais tranquila sem estar nervosa e sem ter que se preocupar com horários. Rude Mistake! 

via GIPHY

 

Cheguei no local da entrevista e descobri que eu era a número 357 na fila de espera para entrar, ou seja, se eu conseguisse entrar para a palestra provavelmente eu só entraria para a das 6 horas da tarde que eu já tinha a inscrição. Ainda assim esperei um pouco na fila conversando com outros participantes e alguns alumnis do ano anterior. Eles logo perguntaram se a gente tinha praticado respostas para as perguntas mais comuns da primeira entrevista (no grupo do facebook tem um arquivo com as perguntas frequentes) várias pessoas falaram que sim, que já tinham pensado em várias respostas eu disse que não, que preferia não ter algo ensaiado. Um dos meninos me olhou e falou: “Certeza que você vai passar. Quem eles veem que decorou a resposta eles não passam”.

O horário para as entrevistas era por hora de chegada e dividido por pessoas de fora do estado, de fora da cidade e da cidade da palestra. Os primeiros a fazer a entrevista era quem era de fora do estado, seguido por quem era de fora da cidade e enfim os moradores. Mesmo sendo preferencial, por estar na última palestra do dia eu só consegui a entrevista para a outra manhã mas, como já tinha ouvido falar sobre a possibilidade de só ser entrevistada no dia seguinte, já fui preparada para ficar na cidade dois dias.

A primeira entrevista do Disney College Program

No dia seguinte o meu drama começou. Parecia que tudo conspirava para não dar certo. O dia amanheceu chovendo muito e eu iria para o local da primeira entrevista do Disney College Program de Uber na hora de pedir pelo aplicativo, já da portaria do prédio da minha amiga, veio uma mensagem que meu cartão era inválido -mais tarde descobri que tentaram clonar o cartão durante a noite e por atividade suspeita o banco cancelou sem me avisar.- Voltei para o apartamento da minha amiga, peguei dinheiro e fui para a entrevista. Porém trânsito de São Paulo + Chuva + Pressa é a receita para o desastre.

Faltavam dez minutos para a entrevista, o uber estava na rua do hotel onde ela aconteceria mas o trânsito estava totalmente parado. Eu resolvi descer e ir a pé. Uma boa ideia, tirando o fato de que a minha pasta não estava bem fechada e na hora que eu desci do carro os meus documentos caíram na água e eu literalmente vi meu sonho indo por água abaixo. Mesmo com tudo molhado eu juntei os papéis do chão e corri em direção ao hotel.

Chegando na recepção perguntei onde era o local de entrevista e pedi para o moço se teria como imprimir alguns papéis para mim caso eu precisasse. Fui para o segundo andar porque faltavam menos de dois minutos para o horário e na hora de fazer o check in expliquei a situação para a moça da STB que foi compreensiva e disse que os documentos molhados não me prejudicaram no processo, ainda mais em um dia de tempestade. Eu comentei que tinha conversado com o moço da recepção e que se ainda tivesse tempo eu conseguiria imprimir meu currículo e todos os documentos.

A primeira entrevista do Disney College Program é em duplas ou em trios e eu fui chamada junto com uma outra menina, que mais tarde eu descobri que também cursava jornalismo. A entrevistadora se apresentou e a primeira pergunta foi se a gente estava nervosa. A outra menina rapidamente respondeu que sim e eu disse que não. A entrevistadora me olhou com uma cara de surpresa, provavelmente eu fui a primeira candidata a responder não. Então eu complementei falando “Eu acho que o que poderia dar errado hoje já deu então eu estou tranquila. Quando cheguei aqui minha pasta caiu no chão e todos os meus documentos molharam ”. Ela me olhou com uma cara mais surpresa ainda e comentou sobre os meus documentos estarem todos secos. A menina que foi entrevistada comigo também ficou surpresa e comentou que choraria ao ver tudo no chão. Eu então falei “chorar só ia deixar tudo ainda mais molhado, quando a gente tem um problema temos que tentar resolver da melhor maneira possível”. Não sei da onde esta resposta ou a minha calma para a situação saiu mas eu vi que a entrevistadora gostou.

via GIPHY

Depois disso a entrevista foi tranquila com perguntas do tipo: Porque você quer trabalhar na Disney? Tudo bem se você cair em uma função que não estava nas suas preferidas? Porque a Disney deveria te contratar? Etc. Como eu falei no começo do post, decorar ou ensaiar de mais pode te atrapalhar no processo. Por isso a minha dica é: Não treine para responder as perguntas treine conversas em inglês. A Disney não está procurando pessoas que conseguem decorar respostas, está procurando pessoas que conseguem se comunicar bem em inglês. 

Como é em grupo a entrevista pode sair do padrão pergunta e resposta para ser uma conversa mais descontraída. Quando possível, sem ser forçado, é uma boa ideia interagir com as outras pessoas e se mostrar interessado nelas por exemplo: Eu e minha dupla fazíamos jornalismo e tínhamos sido voluntária nos Jogos Olímpicos do Rio, dois grandes pontos em comum. Ela contava a história dela e na minha vez eu falava como ela falou na minha universidade também é assim mas a minha função era mais voltada para… e mostrava que eu estava prestando atenção no que ela estava falando! 

Outro detalhe importante para a entrevista é lembrar que é uma vaga de emprego: Seja profissional! Falar que ama a Disney não é o que vai te fazer passar. O brilho no olho que eles procuram é uma pessoa carmática e simpática e não alguém totalmente apaixonado pela Disney.

Vale lembrar que esta entrevista, mesmo sendo feita por brasileiros da equipe da STB, é inteira em inglês com traje social. 
Outros participantes vieram conversar comigo e me acalmar e eu voltei para recepção resolver a situação. De volta a sala de espera, com todos os papéis novamente, ainda esperei uns 15 minutos até chegar a minha vez.



É nesta fase que os participantes devem entregar alguns contratos que são enviados pela STB por e-mail assinados, a ordem de preferência de funções para serem trabalhadas e o currículo em estilo formal e em inglês. Nós do Qualquer Latitude organizamos uma News Letter com o modelo de currículo (e cover letter que vai ser pedida para quem passar para a segunda fase), se você quer receber este material não deixe de se inscrever aqui: 

Dicas de Alumni

* indicates required








 

 

Processo Seletivo 18/19-

A Inscrição para as palestras e primeira entrevista do Disney College Program vai acontecer no dia 19/04 às 10 horas da manhã!

Local e datas das palestras:

Goiânia
07/05, às 10h e às 19h
PUC Goiás – Campus 1 – Área 2 – Auditório 1 – Bloco C
Avenida Universitária, 1440 – Setor Universitário

Belo Horizonte
14/05, às 10h e às 16h
ICBEU
Rua da Bahia, 1723

Recife
22/05, às 10h e às 19h
Faculdade Estácio – Boa Viagem
Rua Padre Bernardino Pessoa, 512 (Anexo ao Colégio Santa Maria)

Florianópolis
04/06, às 10h e às 19h
UNISUL – Pedra Branca – Auditório G
Avenida Pedra Branca, 25 – Cidade Universitária – Palhoça

São Paulo
09/06, às 09h, às 11h30, às 14h e às 16h
Instituto Mauá de Tecnologia – Auditório H
Praça Mauá 1 – Mauá, São Caetano do Sul




 

Gostou das dicas para a primeira entrevista do Disney College Program? Não deixe de ler:

Quero Trabalhar na Disney, e agora? 

Diário de uma Blueberry- A Seleção

Diário de uma Merchan- A Seleção

 

6 thoughts on “Primeira entrevista do Disney College Program

  1. Oi Yasmin!
    Adorei ler sua história. Realmente sua calma com tudo o que aconteceu fez a diferença na sua entrevista. 🙂
    Você se importa se eu te adicionar no facebook pra conversar mais sobre o processo?

    Abraços e obrigada por compartilhar tudo por aqui!

    1. Oi Bianca tudo bem? Pois é, nem eu sei como consegui ficar tão calma!!!
      Pode me adicionar sim! Hoje eu vou estar respondendo perguntas e dando dicas no stories @yasgraeml!
      Beijos

  2. Impressionada com a sua serenidade, sério! Eu teria chorado litros em cima dos papéis hahaha

    Me ensina a ser assim?

    Obrigada por compartilhar!

    1. Eu fiquei com muita raiva na hora, literalmente vi meu sonho indo por água abaixo! Mas ai pensei: O que eu posso fazer? E foi assim que eu resolvi a situação!

  3. Yasmin, boa tarde! Primeiramente, parabéns pela calma e serenidade! Eu gostaria de entrar em contato contigo pois estou me preparando para a primeira entrevista! Se possível, teria como você me passar teu whatsapp ou instagram? Obrigada!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *